. Comissões de Utentes do Litoral Alentejano solidárias com a Greve de Médicos

Comissões de Utentes do Litoral Alentejano solidárias com a Greve de Médicos

As Comissões de Utentes do Litoral Alentejano fizeram saber, em comunicado, que estão solidárias com a greve de médicos de 8, 9 e 10 de Maio e apelam à participação da concentração de dia 8, às 15h, frente ao Ministério da Saúde.

A Federação Nacional dos Médicos decidiu convocar uma Greve para os dias 8, 9 e 10 de Maio para defender o Serviço Nacional de Saúde e rejeitar a degradação das condições de trabalho.

Esta Greve, tem os seguintes objectivos:

  • O Ministério da Saúde gasta 120 milhões de euros com serviços de empresas de trabalho temporário, em vez de abrir concursos atempados para a contratação de Médicos;
  • Neste momento é preciso descongelar as carreiras, para o S.N.S. ter Médicos mais qualificados, para não existir Médicos sem formação;
  • Devido à falta de Médicos os Utentes esperam horas sem fim e são adiadas consultas e cirurgias.

No Litoral Alentejano é inadmissível, o seguinte:

  • A Urgência Pediátrica do Hospital do Litoral Alentejano funciona sem Médicos Pediatras;
  • 1 Médico Cardiologista para 100.000 Utentes;
  • 1 Médico Urologista para 100.000 Utentes;

- A 1ª consulta de Oftalmologia tem cerca de 2.800 Utentes em espera;

- Para a Consulta de Otorrinolaringologia o Utente espera mais de 470 dias.   

Os Utentes exigem ao Ministério da Saúde e ao Governo, o seguinte:

  • Cada Utente deve ser atribuído o Médico de Família;
  • A diminuição do número de Utentes por Médico de Família de 1900 para 1500 Utentes;
  • A melhoria das condições de trabalho dos Médicos, por serviços de qualidade, dignos e responsáveis;
  • Pela defesa do Serviço Nacional de Saúde.   

As Comissões de Utentes do Litoral Alentejano estão totalmente solidários com os Médicos em Greve e apelam à participação de todos os Médicos a aderirem à Greve. As Comissões de Utentes informam ainda que os Utentes devem compreender os efeitos da Greve, pois a mesma é pela contratação de mais Médicos e pela melhoria das condições dos diversos serviços.

As Comissões de Utentes apelam ainda que os Utentes adiram à Concentração, no dia 8 de Maio, às 15:00 em frente do Ministério da Saúde.

 

© 2018 FNAM - Federação Nacional dos Médicos