. FNAM - Comunicado do Conselho Nacional da FNAM
Comunicado FNAM

Comunicado do Conselho Nacional da FNAM

Decorreu no dia 23 de novembro, em Coimbra, a primeira reunião do Conselho Nacional (CN) da Federação Nacional dos Médicos (FNAM) após o XII Congresso da FNAM.

Fizeram parte da Ordem de Trabalhos a eleição da nova Comissão Executiva, a aprovação do Programa de Ação da FNAM, bem como as principais estratégias de atuação para o próximo triénio 2019-2022.

A nova Comissão Executiva eleita é composta por:

  • Noel Carrilho – Presidente
  • Merlinde Madureira – Vice-Presidente
  • Paulo André Fernandes – Vice-Presidente
  • Guida da Ponte
  • Carla Silva
  • Vitória Martins
  • Rosa de Fátima Ribeiro
  • Cátia Martins
  • Luísa Silva
  • Mariana Neto

O CN analisou a difícil situação que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) atravessa e a repercussão no trabalho médico e nos cuidados de saúde prestados aos utentes.

É urgente que o Ministério da Saúde tome medidas que salvaguardem a qualidade do nosso SNS e que impeçam o seu desmembramento.

Neste sentido, o CN da FNAM decidiu solicitar uma reunião urgente com o Ministério da Saúde, de forma a iniciar um processo de resolução dos problemas que afetam o SNS, os cuidados de saúde e a grave situação dos médicos. É altura de o Ministério da Saúde assumir a sua responsabilidade e de responder às reivindicações dos sindicatos médicos.

A FNAM considera essencial discutir temas centrais para as condições de trabalho dos médicos, nomeadamente: a Carreira Médica e a renegociação das grelhas salariais, incluindo a dedicação exclusiva opcional e a integração do Internato Médico como 1.º grau da Carreira e a resolução da situação dos médicos sem acesso à formação especializada.

Coimbra, 25 de novembro de 2019
O Conselho Nacional da FNAM

© 2018 FNAM - Federação Nacional dos Médicos